Cinco livros, cinco fetiches

Na revista VIP deste mês, indico cinco livros com fetiches, fantasias e perversões sexuais – uma pequena colaboração com a ótima e instrutiva reportagem sobre o assunto assinada pela jornalista Cláudia de Castro e Lima. Comprem lá a revista, vale  a pena.

Crash, J. G Ballard. Robert Vaughan acha seus orgasmos participando de desastres de carro, transando com sobreviventes de acidentes cheios de marcas ou reproduzindo com prostitutas as posições de vítimas fatais, fotografadas por ele nas rodovias de Londres.

Lolita, Vladimir Nabokov. Anos antes de se afundar em fantasias por Dolores Haze (a Lolita), Humbert Humbert se casa com Valeria, uma mulher com jeito de criança. Na noite de núpcias, pede que ela vista uma camisola de menina que ele havia roubado de um orfanato.

Dentro da Noite, João do Rio. No conto que dá título ao livro, o ex-artista e decadente Rodolfo Queiroz vaga pelos subúrbios cariocas espetando alfinetes nos braços de mulheres. “Gosto mais das magras, as que parecem doentes.”

Amor Insensato, Junichiro Tani- zaki. A vulgar e jovem Naomi faz com que o ex-tutor e marido, Joji Kawai, lhe depile o rosto, os ombros e as axilas – mas o proíbe de tocá-la. Desesperado, ele pede à mulher que o cavalgue, como ela fazia quando era ainda uma adolescente.

Madame Bovary, Gustave Flau- bert. Não são poucas as vezes que o escritor francês chama a atenção nas descrições para os “pezinhos” e os sapatos de Emma Bovary – principalmente a “botinha preta” que fascina o criado Juan, o escriturário Léon e o nobre Rodolphe.

3 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.