Começos famosos de romances, upgraded – 2

Agora não tem jeito: os upgrades dos começos famosos de romances brasileiros, abaixo, são da lavra deste blogueiro, inspirado pelos da McSweeney’s. Podem me culpar desta vez, só para variar.

“Uma noite destas, vindo da cidade para o Engenho Novo, encontrei no trem da Central um rapaz aqui do bairro, que eu conheço de vista, de chapéu, de Facebook, de Twitter e Instagram.” (Dom Casmurro, Machado de Assis)

“Nonada. Tiros que o senhor ouviu foram de briga de homem não, Deus esteja. Povo prascóvio. O senhor tolere #istoeosertao (Grande Sertão: Veredas, Guimarães Rosa)

“Antes de iniciar este livro, imaginei construí-lo em crowdsourcing.” (São Bernardo, Graciliano Ramos)

“Aos 16 anos matei meu professor de lógica. Invocando a legítima defesa — e qual defesa seria mais legítima? — passei ao segundo estágio e ganhei um Teacher Killer Trophy na Playstation Network.” (A Lua Vem da Ásia, Campos de Carvalho)

(Publicado em 2/8/2011)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.